Construtora data-driven: a sua já é ou vai ser? Esse é o futuro!

Você já parou para se perguntar se a sua construtora é data-driven? Nosso objetivo com esse texto é trazer mais informações sobre o tema e desafiar você a pensar até que ponto a sua construtora tem se guiado por dados reais? Acompanhe!

Há um clichê bem conhecido que diz o seguinte: “Em Deus nós confiamos, todos os outros devem fornecer dados”. Essa frase nos ajuda a entender o ponto de partida de uma cultura fundamentada em dados. 

Acreditamos que é preciso ter bons dados para embasar a decisão por novas ideias ou tomar decisões importantes. Quando compreendemos esse princípio, passamos a ter uma base sólida para tomar decisões. Já não é mais como “dar tiro no escuro”, mas ser assertivo e saber orientar os processos da sua Construtora.

Quer saber como utilizar os dados de forma inteligente e transformar a sua construtora em data-driven? Dá uma olhada nesses dados e dicas: 

Cultura data-driven: desmistificando os dados

Ter uma “cultura data-driven” significa colocar os dados no centro da tomada de decisões, afinal, quanto mais informações você tiver em mãos, e quanto mais detalhadas forem essas informações, mais eficiente e assertivo será o processo decisório. 

Isso porque os números são capazes de retratar com rigor interações e relações de causa e efeito, tanto internamente, quanto da empresa com o mercado e com o consumidor.

Já pensou que incrível você conseguir prever uma tendência de mercado e gerar insights valiosos? Além disso, uma cultura data-driven permite a você gerar uma experiência ainda mais valiosa aos seus clientes, através de uma relação personalizada e extremamente pessoal, aplicando um olhar humanizado aos seus dados.

Essas não são apenas habilidades do futuro. São habilidades reais e atuais. 

Cases de sucesso de empresas que possuem uma cultura baseada em data-driven

Vamos visualizar melhor como a cultura data-driven pode fazer a diferença no mercado, através de alguns exemplos muito conhecidos?  

Netflix

É difícil encontrar alguém hoje em dia que não seja fascinado pela personalização e facilidades que a maior empresa de streaming de filmes e séries traz às nossas vidas. Ela analisa o perfil do espectador, seleciona títulos que se enquadram nos padrões de preferência e os oferece como sugestão. Tudo isso através de dados reais e que são fornecidos conscientemente pelo usuário. Fato muito importante, já que a lei geral de proteção de dados, LGPD, tem sido cada vez mais rigorosa. 

Spotify

O Spotify acompanha as tendências de consumo dos seus usuários e a partir daí monta playlists e oferece a eles recomendações que realmente se encaixam em suas particularidades, gostos e necessidades. Existem playlists baseadas, inclusive, no humor do ouvinte. 

Marvel

Aqui está uma produtora que sabe lucrar através da análise de dados do seu público de fãs.  Segundo a Quartz que divulga a lista da ComScore, Vingadores: Guerra Infinita bateu todos os recordes mundiais e está em primeiro na lista dos 10 filmes com maior bilheteria em um final de semana, tendo faturado US$ 630 milhões. A grande jogada neste caso, é que mesmo o filme sendo adaptado de quadrinhos e histórias já publicadas anteriormente, ele trouxe algo único e adaptou o longa para tornar a experiência dos usuários ainda mais atraente! 

Mas, por onde começar a ser uma construtora data-driven? 

O mercado imobiliário respira inovação, e precisa estar sempre de olho no futuro. Por isso, nesse ramo, o papel da pesquisa de mercado é de suma importância. Há construtoras em diferentes níveis de maturidade de dados, mas decidir iniciar a jornada da construtora data-driven já é um grande passo.

Se pudéssemos resumir essa jornada, teríamos seis passos: 

  1. Definição de objetivos;
  2.  Planejamento;
  3.  Coleta de dados;
  4.  Análise de dados;
  5.  Ações;
  6.  Mensuração de resultados.

Veja algumas sugestões para definir cada uma destas etapas e uma dica: anote os insights que surgirem durante a leitura 😉 

1 – Definição de objetivos

O que a sua construtora data-driven espera atingir com os dados que vai coletar, a médio e longo prazo: Vender mais? Construir mais? Diminuir custos? Reduzir chamados indevidos? 

2 – Planejamento

O que você irá precisar para alcançar os objetivos? Que tipo de ferramentas, e sistemas de gestão você utiliza hoje e que são eficazes ou quais deles precisam melhorar? Máquinas para armazenar os dados? Como mudar a cultura? Quais custos terá? Onde posso obter os dados que preciso? Como vou trabalhá-los?

É nessa etapa que uma boa consultoria pode te ajudar. Aqui na Predialize, nosso vasto conhecimento técnico em análise de dados e em pós-obra permite que desenvolvamos tecnologias que entendem os seus desafios e forneçam tudo o que você precisa em um só lugar, do momento da venda do imóvel, até o término das garantias. 

3 – Coleta de dados

Aqui é onde começa, de fato, a ser colocada em prática a cultura data driven: hora de coletar dados, seja por fontes externas ou aqueles gerados pela sua própria empresa. 

4 – Análise de Dados

Saber analisar os dados é o que fará toda a diferença. É a partir daqui que a sua equipe deverá transformar os dados em relatórios, gráficos e insights que geram ideias e ações para alcançar os objetivos desejados. Alguns Apps podem facilitar esse processo de comunicação e gerenciamento de projetos para a construção civil, integrando a maioria dos dados, facilitando o treinamento das equipes e a transição cultural para que consigam ser gestores que amam trabalhar com dados.

Confira este exemplo de relatório de engajamento, que fica disponível no Dashboard da plataforma Predialize: 

relatorio-predialize


5 – Ações

A partir dos relatórios e insights gerados pela análise dos dados que sua equipe fez, é que serão estipuladas as ações, sem perder de vista os objetivos definidos no primeiro passo. 

6 – Mensuração de resultados

É de extrema importância acompanhar de perto as ações executadas para saber se estão dando resultados e, ainda, definir quais os pontos que podem ser melhorados.

Nós estamos prontos. A sua construtora também está? 

Acreditamos que a ciência de dados será questão de sobrevivência no mercado do futuro, cada vez mais integrado e automatizado.

Nós podemos auxiliar você a tornar a cultura data-driven realidade na sua construtora, entre em contato conosco, basta clicar aqui e enviar uma mensagem, ou através do número: (48) 9 9192-7419.

Leave a comment